Deixando as rusgas para trás

Para os que não gostam de discutir a relação, sugiro que passem o Réveillon em Cuzco, Peru, participando do festival Takanakuy. Depois disso, de duas, uma: viram praticantes de Vale-Tudo, ou então fazem as pazes com a instituição DI.

Anúncios
Esse post foi publicado em vídeos e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Deixando as rusgas para trás

  1. Pingback: Ricardo C.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s