Trabalho em condições de insalubridade

Micheletti, presidente in-te-ri-no!
Micheletti, presidente in-te-ri-no!

Exercício de aquecimento vocal obrigatório para os repórteres e apresentadores da Rede Globo.

Anúncios
Esse post foi publicado em humor, política e marcado . Guardar link permanente.

15 respostas para Trabalho em condições de insalubridade

  1. Luiz disse:

    Quem é o instrutor?

    O Mainardi ou o Alexandre Garcia?

    Curtir

  2. andreegg disse:

    Tô acabando de ouvir a entrevista de Marco Aurélio Garcia a Carlos Sardenberg sobre o assunto. Não sei se “entrevista” é a palavra correta: http://www.snapvine.com/voicedrop/get_codes/14d55d66ac5711deb5b90030485c71d2?view_type=tp

    O que me faz pensar que quando roubaram o som do meu carro outro dia, me pouparam de ficar ouvindo essas asneiras.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Que o Chavez é um mala e merece muitas das críticas que recebe, vá lá. Mas o anti-chavismo desse povo faz com que eles forcem tanto a barra, que só não dá pena porque é a gente que acaba tendo que ouvir isso diuturnamente. Me constrange ver o Merval Pereira articulando um discurso diferente na forma mas idêntico no conteúdo que o Alexandre Garcia bosteja todas as manhãs no Bom Dia Brasil…

      Curtir

      • Luiz disse:

        Ricardo,

        Eu considero que, para mim, ouvir o que esssas figuras dizem todo santo dia é uma mistura de penitência com oportunidade para desopilar.
        Afinal, ou eu fico muito bravo ou então desato a rir que é uma beleza…

        E adoro quando o Sardenberg pega pela frente um entrevistado casca-grossa, daqueles que não deixa barato.
        Um tempo desses foi o ministro da Educação, o Haddad. Enquadrou o Sardenberg direitinho…

        Curtir

    • Luiz disse:

      André,

      Eu ouvi a “entrevista” ao vivo, e ainda bem que eu já havia parado o meu carro no estacionamento porque senaõ eu poderia causar um acidente de tanto rir…

      Curtir

  3. andreegg disse:

    Chavez é um mala. Amém.

    O problema é achar que ele tem alguma influência em alguma coisa. Não se güenta nem na Venezuela o coitado…

    Acho que ficam dizendo essas merdas só pra não dizer que o Brasil tem diplomacia pró-ativa e que o Lula é o primeiro presidente que faz o Brasil ter alguma influência em alguma coisa. Melhor dizer que é tudo o Chavez que faz…

    Curtir

  4. Anrafel disse:

    De lascar foi a entrevista de Heraldo Pereira com Garcia no Jornal da Globo. Essa desculpa (edição) dá motivos para tudo. No fim, o cara teve a desfaçatez de perguntar se a diplomacia brasileira estava arrependida.

    Presidente interino? Tipo Castelo Branco.

    Chavez tá virando Golbery – tudo tem o dedo dele.

    Alexandre Garcia, Miriam Leitão, Merval Pereira e Ali Kamel. Tá ficando indigesto? Logo logo vem Jabor dar o tom blasée-indignado. E bons sonhos.

    Curtir

  5. Luiz disse:

    Não resisti:

    http://www.mre.gov.br/portugues/noticiario/nacional/selecao_detalhe3.asp?ID_RESENHA=624356

    E como alguém disse lá no Sergio Leo: Que legal que o Ali Kamel tem que engolir o Elio Gaspari !!!

    Lava a alma…

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Beleza de texto do Gaspari, Luiz, especialmente pelo autor não ser propriamente um entusiasta do atual governo. É um texto que elogia a posição do governo não só no caso de Honduras, mas de vários outros, que constituiriam uma espécie de “tradição” na diplomacia brasileira, sobretudo aquela “pós-ditadura”. (Um elogio, portanto, ao Estado democrático brasileiro.) Só não entendi muito bem a seguinte frase, algo ruidosa no escopo do texto:

      O “abrigo” dado ao presidente Manuel Zelaya pelo governo brasileiro ofende as normas do direito de asilo.”

      Curtir

      • Luiz disse:

        Acho que ele quis criticar a excessiva liberdade dada ao Zelaya dentro da embaixada, especificamente nas manifestações.
        Normalmente, um asilado ( ou coisa parecida…) tende a ser um pouco mais comedido nas declarações.

        Mas no que realmente importa, o apoio do Brasil ao Zelaya, ele não coloca nenhum porém.

        Curtir

      • Ricardo C. disse:

        Ah, agora fez sentido. Valeu, Luiz!

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s