J’accuse

Primeiro foi Idelber, que resolveu hibernar o seu O Biscoito Fino e a Massa. Agora é o Pedro Doria, que fez pior: acabou o seu Weblog. Pouco importa os motivos de cada um: eu acuso os dois por quebrar parte dos meus hábitos diários de leitura.

Brincadeiras à parte, muitos blogueiros de que gosto acusaram o golpe e escreveram posts sobre a parada do Idelber: a minha amiga Camila, o NPTO, o Bruno, e o Alexandre Nodari, entre tantos. Algumas dessas elogiosas palavras dirigidas ao Idelber eu estenderia ao Pedro Doria, que tantos e bons serviços prestou à blogosfera brasileira até o presente momento. Mas diante dessa espécie de luto, trato de fazer minhas algumas das palavras que o sempre afiado Catatau deixou na caixa de comentários do NPTO:

…o Idelber sair é ruim mas é bom: é ruim porque perdemos temporariamente um ótimo interlocutor; Mas é ‘muito bom’ porque a blogosfera brasileira tende muito facilmente a se ‘apoiar em ombros’ no mau sentido, acomodando o cérebro e polarizando os debates.

Pois é, a parada do Idelber e do Pedro é ruim, mas é boa. Num primeiro momento, reforça a dispersão, e em parte enfraquece a densidade e contundência de muitos discursos sobre “n” temas discutidos por estas bandas. Por outro, reafirma o caráter horizontal da internet e obriga os blogueiros a se mexer, seja procurando novos interlocutores, seja produzindo falas que atraiam a interlocução.

Ou seja, vocês que são bons nisso, façam o favor de trabalhar e depois me avisem onde a conversa estiver boa, sim? Aparecerei por lá, com todo o prazer.

P.S. Faltou mais uma coisa: tornar agradecer ao Pedro Doria. Foi participando de sua caixa de comentários e incentivado por alguns dos amigos que fiz por lá que comecei este blog.

Atualização: além do NPTO ter dado o seu recado sobre o fim do Weblog, o Catatau escreveu um post onde aprofunda a citação lá de cima. Vale conferir.

Esse post foi publicado em bloguices e marcado , , . Guardar link permanente.

30 respostas para J’accuse

  1. bitt disse:

    Não concordo que “seja ruim e seja bom”. É só ruim… A blogosfera brasileira é uma droga, como a Internet brasileira é uma droga. Claro, se vc quiser encontrar “coisa de adolescente” e notícias sobre famosos, nem precisa ir muito longe; se quiser encontrar coisa melhor…

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Bitt, vou sentir falta dos posts do PD e de alguns comentaristas de lá: você, o Elias e outros tantos, até de alguns à direita. Mas não sou tão pessimista quanto você. Sim, há muito mais porcaria, trolls, blogs adolescentes e umbiguismo de terceira categoria na internet, e é difícil encontrar pontos de encontro onde nas discussões haja densidade sem afetação, contundência sem gritaria histérica, posições fortes sem grosseria e falta de educação. Não que exista um lugar assim, e nem na caixa de comentários do Idelber ou do PD o panorama era esse. Mas aprendi muito lendo os posts dos dois blogueiros e acompanhando as discussões em suas caixas de comentários.

      (Sendo justo, a quantidade de reaças e trolls com que nós convivemos no Weblog era bem maior e pior do que o debate no O Biscoito Fino e a Massa; mas não deixava de ser divertido tb., mesmo quando irritava.)

      Enfim, o sabor é ruim. Que jeito, vou ter que gostar mais de armas e de história dos conflitos armados — temas que não são o meu forte — para acompanhar as tuas falas, Bitt, já que é no Causa:: que seguirei te lendo. Mas o Elias e outros comentaristas sem blog vai ser difícil de reencontrar. Uma pena.

      Curtir

  2. gugaalayon disse:

    Há malas que vão pra Belém…
    outras pra Nova Olreans…
    mas o importante é que não existe exblogueiro.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      É, minha esperança é essa, Guga, mas sei que o Idelber demorará a blogar. Acompanhando algumas de suas falas no twitter, a questão de ter que estar ligado full-time ao blog parece que determinará o destino d’O Biscoito Fino e a Massa, e não creio que a favor de leitores fiéis como vc e eu…

      Curtir

  3. Ricardo,

    Você fez muito bem em pescar esse comentário do Catatau lá da caixa do NPTO e republicar aqui. Concordo muito com ele. Até comentei lá no NPTO.

    Veja, eu mesmo já me peguei várias vezes pensando: Deixa eu ir lá ver o que o Idelber tem a falar sobre isso. Ele era um tipo de um farol para mim e pra muita gente de esquerda que faz blog.

    Acho muito saudável esse “Ok, meninos. Andem agora com as suas pernas.” Virá agora um momento de readaptação, reorganização, que pode ser difícil, traumático e até desanimador. Vejamos.

    Mas ao contrário do que você disse logo aí acima, acho que ele volta se o bicho estiver pegando em 2010. Pode me cobrar depois.

    Um abraço.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Eu tinha visto vc concordar com o comentário do Catatau, Bruno, imaginei que ao falar disso por aqui acabasse por chamar tua atenção. (Aliás, o Catatau é um blogueiro dos bons, né? Só que o compasso dele é outro, com análises muitas vezes mais alongadas e temas frequentemente atemporais, além de distantes de muitos dos “debate-bocas” de torcida que abundam na blogosfera.)

      Quanto ao tema 2010, tem razão, pode ser irresistível pro Idelber, Bruno. Torço muito para que vc acerte.

      Abração

      Curtir

  4. Nhé disse:

    O hot point vai ser no blog do Darw.
    😉

    Curtir

    • Darwinista disse:

      A casa tá aberta, Nhé! Mas lugares pra gente sentar e conversar não vão faltar: aqui, o Pandorama, o De Olho no Fato…

      Curtir

      • Ricardo C. disse:

        A dispersão é que torna as coisas um pouco complicadas, Nhé e Darw. Por mais que muitos costumemos nos visitar, nem sempre os nossos respectivos assuntos postados chamam a atenção de todos de maneira a concentrar mais a audiência neste ou naquele blogueiro. Enfim, não será fácil sem o PD e o Idelber.

        Curtir

  5. NPTO disse:

    Rapaz, em que pesem as lúcidas considerações do Catatau, nos ferramos.

    A propósito, fazia tempo que só lia seu blog no RSS, tá bonito o design, hein? Parabéns.

    Curtir

  6. Luiz disse:

    Também acho que a saida dos dois será algo temporário.

    Aliás, o que escrevi acolá vai bem no rumo do que você disse, Ricardo. Os dois são meio que patronos do De Olho, e farão falta. Mas, reafirmo, acho que será temporário. O PD já sinalizou para um futuro breve e o Idelber mais para a frente. Mas eles voltam…

    Enquanto isso, cabe a nós tocar o barco da blogosfera progressista brasleira (seja lá o que isso signifique…).

    Antes que eu esqueça: a Nova Corja também fechou. Pena.

    E o Hemê está ameaçando…

    Curtir

  7. Catatau disse:

    Recebi teu comentário lá no Catatau e vixe, escrevemos os dois posts ao mesmo tempo! (Que jóia que o comentário no NPTO serviu, rsss)

    Quanto ao Nova Corja, não conhecia o blog, apenas de nome. Vi muito por cima alguns comentários sobre o blog fechar por determinações judiciais demais. Pô, aí temos um blog com motivo de “fechamento” diferente dos outros dois. Alguém está “trabalhando” nisso?

    abração,

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Os órfãos do Nova Corja ao menos têm o RS Urgente, do Marco Weissheimer, que faz uma cobertura atenta e incansável sobre o desgoverno da Yeda Crusius. E essa questão da pressão econômico-jurídica sobre blogueiros é mesmo algo sério, Catatau, lembro inclusive do post que vc fez sobre um rapaz e seu pequeno blog numa cidade do interior, um caso vergonhoso de abuso de poder, por sinal.

      Quanto ao Idelber e o PD, o leque de assuntos que abordavam com propriedade, inteligência e talento para chamar a atenção da blogosfera vai ser difícil de encontrar num lugar só. Vamos ter que sair do nosso confortável lugar, e no que me diz respeito, confesso que sou um preguiçoso de marca maior…

      Curtir

  8. Darwinista disse:

    Ricardo,

    Que nós, os blogueiros indiretamente apadrinhados pelo PD, carreguemos um pouquinho do legado do jornalista flamenguista.

    Abraço.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Darw, vc, o Luiz, o Pax — sobretudo com o Pandorama — e outros têm como segurar parte da peteca. Sem falsa humildade, eu não tenho estofo para tal, e meu blog sempre ficará num lugar intermediário e discreto, como é do meu próprio feitio. Mas sempre que tiver o que dizer para ajudar a manter os bons papos que nos acostumamos a ter no mundo virtual, contem comigo.

      Curtir

    • Colafina disse:

      Pouco ou nada posso falar sobre o Idelber. Mas posso dizer alguma coisa sobre o PD. Enquanto espaços como As Últimas e o Pandorama agregam sítios e blogs, o Weblog agregava pessoas. Leitores ou comentaristas, assíduos ou esporádicos, não importa, reuniam-se pela companhia dos ‘confrades’ e pelo espaço ofertado pelo PD para a discussão do que quer que fosse. Tanto um quanto outro, PD e Idelber, têm esta capacidade pela posição diferenciada que ocupam na mídia virtual, enquanto nós buscamos aprender na leitura, interpretação e discussão, eles disseminavam a sua opinião [com bagagem e com conhecimento de causa] sobre os assuntos postados. Principalmente PD abria ainda um espaço livre para discussão, o que fortalecia a sua capacidade agregadora.
      E capacidade de agregar pessoas é o que devemos procurar agora – quiçá ágora – nos botecos pelaí!

      Curtir

      • Ricardo C. disse:

        Alexandro, concordo contigo. Apenas reforço a questão a respeito do “ponto de partida” para esses encontros: precisa advir de um conjunto de informações, ideias e opiniões que configurem massa crítica, e que ao mesmo tempo sejam minimamente “sedutoras” tanto na escrita quanto nas atitudes de quem as produz e dirige aos leitores/comentadores. Não digo uma sedução qualquer, apelativa, mas aquela derivada de um aspecto particular: a credibilidade do blogueiro adquirida só com o passar do tempo — ou a credibilidade dos blogueiros, se pensarmos em um blog feito coletivamente ou em um coletivo de blogs, termo que não uso à toa, pois reporto ao projeto Pandorama, que estou certo de que pouco a pouco se consolidará.

        Tanto o PD quanto o Idelber têm essas características, e conseguiram sustentar o debate durante tempo suficiente tanto para consolidar ainda mais essa credibilidade quanto para despertar ainda mais o interesse das pessoas em frequentar seus respectivos blogs. Todos esses atributos juntos não são tão fáceis de encontrar, não é?

        Curtir

  9. Eu não tenho certeza que a falta de ombros será o bastante para estimular os que estão acostumados a se apoiar a desenvolver suas próprias ideias.

    O Idelber era um centralizador. Como um atacante referência. Mais do que a inteligência ele tinha (no blog) caráter e empatia necessários para assumir o papel de voz destacada de uma certa linha de pensamento de esquerda. Acho que esse papel centralizador ficará vago e será certamente uma perda para a promoção do debate político — concordando ou não com ele.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Leonardo, suas observações são corretíssimas em relação ao Idelber. E a questão levantada pelo Catatau é mesmo difícil, o mais provável é que a maioria espere por outros Idelberes e Pedros Dorias para poder seguir. De minha parte, só espero que não tenha que ser no twitter…

      P.S. Passarei mais tarde no teu blog, creio que encontrarei coisas do meu interesse por lá. Abs.

      Curtir

  10. André Egg disse:

    Tô tão por fora que acabo de desobrir a notícia pela tua dica, que vi lá no facebook. Aliás, legal ter um feed do blog lá. Um dia aprendo como se faz.

    Para mim parece o apocalipse. Não tenho dúvidas que eram os dois melhores blogs que eu lia. Por um lado acho bom também, porque o ritmo com que esses caras postam coisas indispensáveis era difícil de acompanhar. Ainda mais a caixa de comentários. Fechando o blog eles prestam um favor a leitores compulsivos como eu, que também tenho uma vida a tocar.

    Meu blog também está pela boa, mas isso não tem nada a ver. Se tivesse 0,5% da qualidade desses caras eu não fechava o boteco. Mas diferente deles estou querendo continuar, só que preciso me livrar do Blogger. Se me aceitarem venho cá pro OPS.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      André, se o mundo virtual está atrapalhando a tua vida, largue a vida, ora! (risos!)

      Brincadeiras à parte, como todo usuário que não vive um dia sem internet, tb vou sentir uma falta danada desses dois blogs. Paciência, agora vou ter que transitar por aí… Se tiver dicas, faça o favor de trazê-las pra cá!

      Ah, torço pra que vc venha pro OPS!, viu?

      Abs

      Curtir

  11. confetti* disse:

    tomei uma porrada afetiva bem marcante com o dead line la do vicio…
    nao se trata so da comunidade que explodiu, mas de um conjunto de coisas que tornavam aquele lugar…um vicio unico ! sou residente ocasional em varios points legais tipo aqui o agua, chez darwo, PAN, mr x e alguns outros blogs fora de nosso circuito comum…mas fixa, de acessar 24 hrs ha mais de 5 anos, era so no pd mesmo…

    uma coisa que me parece evidente, mas nao deve ser tanto assim, é que pd destruiu um dos unicos lugares com opinioes “brutas”, uma mina de conhecimentos e idéias originais…logo agora que ele vai precisar se inspirar para a pauta do estadao ! nao acho que eu esteja nos super- estimando…
    sou interessadissima em politica, leio tudo que pinta na minha tela, conheço perfeitamente os fatos…eh bien, o weblog nao tem igual pra informar sob angulos “diferentes”…aprendi muito la…

    lamento.

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      “O vício” é uma expressão colada em você, Confetti. E quando vc foi se desintoxicar, afastando-se por um tempão do PD, fez muita falta — embora fique feliz por ter sido bom pra você. Eu tb lamento o fim do Weblog. Por lá aprendi muita coisa tb, além do significado de blogar, que hoje é parte do meu cotidiano. Enfim, não é o único, mas certamente é um consolo bastante significativo saber que talvez vc apareça mais por aqui tb 😉

      Beijos, querida, muito carinhosos.

      P.S. A possibilidade de responder a todos por aqui só se dá por ser um blog pequeno. No do PD e do Idelber seria impossível!

      Curtir

  12. confetti* disse:

    j’accuse, aussi.

    Curtir

  13. confetti* disse:

    rc, tou lendo suas respostas aos coments….vc é uma preciosidade na minha vida virtual, sabia ? carinha lindo

    Curtir

  14. Pingback: por que as pessoas costumam parar de blogar? « ademonista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.