Até aqui perdi todos, mas semana que vem… perco mais um

Desses programas que valem muito a pena: “A História da Filosofia em 40 Filmes”, uma mostra de cinema bastante interessante e por enquanto privilégio dos que vivem na Cidade Maravilhosa, em cartaz no Teatro Nelson Rodrigues (Av. Chile, 230 – Centro, Rio de Janeiro – entrada de pedestres pela Av. República do Paraguai), todo sábado, a partir das 10:30 da manhã. Sábado que vem tenho um compromisso, mas no seguinte estarei lá, firme e forte. Um pouco do que diz no sítio deles:

Com curadoria de Alexandre Costa e Patrick Pessoa, a mostra-curso põe em pauta temas filosóficos fundamentais e promove o diálogo de cineastas, como Bergman, Fellini, Glauber, Wenders, Kurosawa, Kubrick, Visconti e Godard, com importantes pensadores, entre eles Platão, Descartes, Kant, Marx, Nietzsche, Benjamin, Heidegger, Sartre e Foucault. A entrada é franca.

Organizado em dez módulos temáticos – “O que é a filosofia?”, “Questões estéticas”, “Mito e Tragédia”, “O Existencialismo”, ”O amor em fuga”, “Morte e Finitude”, “História e Violência”, “O Fascismo hoje”, “Cinema e Revolução” e “O cinema nacional e a interpretação do Brasil” –, a mostra/curso ‘A História da Filosofia em 40 Filmes’ faz refletir sobre diferentes disciplinas filosóficas, tais como a metafísica, a epistemologia, a ética, a política e a estética.

(…)

De agosto a setembro, “O Existencialismo” abordará as principais questões levantadas por este movimento, com ênfase nas obras de Sartre e Camus, a partir dos filmes A doce vida, de Federico Fellini, Estranhos no paraíso, de Jim Jarmusch, Acossado, de Jean-Luc Godard, e As coisas simples da vida, de Edward Yang.

“Amor em fuga” e “Morte e Finitude” perfazem um binômio que aborda os temas humanos mais decisivos, o amor e a morte, discutindo até que ponto as contribuições dos filósofos da tradição ainda servem para dar algum sentido à existência dos homens contemporâneos. De setembro a outubro, o público vai conferir clássicos como A janela indiscreta, de Alfred Hitchcock, O último metrô, de François Truffaut, Ricardo III, de Al Pacino, e Dogville, de Lars von Trier, entre outros.

Em novembro “Fascismo Hoje”, que apresentará filmes como Laranja Mecânica, de Stanley Kubrick, e M, o vampiro de Düsseldorf, de Fritz Lang, vai destrinchar as características deste movimento e dos ideais totalitários surgidos após a Primeira Guerra Mundial. Já em dezembro, em “Cinema e Revolução”, filmes como O Anjo exterminador, de Luis Buñuel, e O homem sem passado, de Aki Kaurismaki, vão apresentar a relação entre cinema e revolução, analisando as obras sob três prismas: o das revoluções bem sucedidas ou fracassadas, o das possíveis e o das invisíveis. Paralelamente a esse debate sobre como o cinema tratou o tema “revolução”, será discutido por que o cinema é a ferramenta mais revolucionária das artes do século XX.

Abrindo o ano de 2010, a cinematografia brasileira será posta em pauta no módulo “O Cinema Nacional e a Interpretação do Brasil”. Em um país sem grande tradição na produção de obras filosóficas, os grandes filósofos são Machado de Assis, Graciliano Ramos, Guimarães Rosa, Mário de Andrade, Glauber Rocha, Leon Hirszman. Partindo dessa convicção, os filmes selecionados para esse módulo apresentam um panorama do melhor da produção filosófico-cinematográfica nacional. Fazem parte da filmografia desse módulo clássicos como Deus e o diabo na terra do sol, de Glauber Rocha, e Brás Cubas, de Julio Bressane.

No sítio da mostra você já encontra o áudio das primeiras oito aulas, referente aos dois primeiros módulos: “O que é a filosofia?” e “Questões estéticas”. Se estiver com preguiça de ir lá, ponho os links por aqui também. [Já sabe, basta apontar para a “caixa de som” no início do link e ele abre um pequeno popup. Só clique no link se nada acontecer.]

I – O que é a filosofia?

II – Questões estéticas

Anúncios
Esse post foi publicado em cinema e marcado , . Guardar link permanente.

8 respostas para Até aqui perdi todos, mas semana que vem… perco mais um

  1. confetti* disse:

    que programao rc !! jarmuch, lars von trier, aki kaurismaki ( ele fala muito bem o portugues…fez um filme sobre silvério pessoa que é um tesouro ) glauber, bressane….que beleza essa mostra ser no rj !

    ( gostei do titulo do post…)) bom dia pra ti rc )

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Oi Confetti, programão mesmo. Fiquei chateado de ter perdido tanta coisa, mas pretendo ver (na verdade rever) alguns. O Bressane acho chato pra burro, embora valha reconhecer a sua assinatura e a coerência de sua obra. Do Kaurismaki não vi nada, embora tenha acompanhado notícias sobre suas temporadas por aqui, inclusive sobre o seu trabalho com música. Aliás, linke sim, por favor!

      Bjs

      Curtir

  2. confetti* disse:

    na verdade o filme de kaurismaki nao é sobre silvério, é sobre musica brasileira, tipo road movie onde silvério é um grande personagem…
    vou linkar rc, no caso de vc nao conhecer …?

    Curtir

  3. Catatau disse:

    Que dica maneira!

    Taí uma boa lista para assistir, para um curso ou por conta própria mesmo!

    abração,

    Curtir

  4. Vinicius disse:

    Excelente dica. Em tempos de gripe suína e reclusão, nada melhor do que assistir (ou assistir novamente) a todos esses filmes na seqüência sugerida. Muito obrigado!

    Curtir

    • Ricardo C. disse:

      Mas deixe esse receio de gripe A de lado, Vinícius, e vá ao Nelson Rodrigues assistir.

      Curtir

      • Vinicius disse:

        Sem dúvida, estaria lá se não estivesse no frio de Porto Alegre, que acentua nossa hipocondria… Restou-me, portanto, o sofá, a locadora e o dvd, além, é claro, dos links rápidos para as palestras que você, gentilmente, colocou aqui. Longa vida a seu altruísmo, sob todos os aspectos louvável. Abraço. Vinicius

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s